Solandra máxima - A Trombeta Dourada




Espécie rústica, vigorosa e muito ornamental a Solandra máxima se tornou uma excelente opção de trepadeira principalmente por causa destes atributos. Nativa do México a Trombeta dourada, como ficou conhecida popularmente no Brasil, apresenta folhas lisas e verde brilhantes de até 13 cm de comprimento e flores amarelo ouro com estrias cor de vinho no interior de seu cálice com até 20 cm. Ideal para ser cultivada em qualquer região do Brasil desde que, não haja geadas durante o Inverno, período em que surgem suas belas, grandes e vistosas flores em forma de trombeta.
A Trombeta dourada aprecia sol pleno, substrato arenoso, acrescido de matéria orgânica e bem drenado, se adaptando também ao solo típico do litoral.

Excelente opção para ser cultivada próxima de casa em caramanchões, cercas, alambrados e pérgolas, já que exala suave perfume durante a noite. Sua propagação acontece por meio de estaquia.





Tecnologia do Blogger.