Muehlenbeckia complexa





Nome Científico: Muehlenbeckia complexa
Sinonímia: Calacinum complexum, Polygonum complexum, Sarcogonum complexum
Nomes Populares: Planta-arame, Cabelo-de-noiva, Cabelo-de-negro, Enredadera-de-alambre
Família: Polygonaceae
Categoria: Arbustos, Cercas Vivas, Folhagens, Forrações ao Sol Pleno, Gramados e Forrações, Trepadeiras
Clima: Mediterrâneo, Oceânico, Subtropical, Temperado, Tropical
Origem: Nova Zelândia, Oceania
Luminosidade: Sol Pleno
Ciclo de Vida: Perene
Solo: Fértil, drenável, enriquecido com matéria orgânica
Regas: Regulares
Multiplicação: estaquia, divisão de touceiras ou mergulhia






A planta-arame é uma trepadeira vigorosa e muito ramificada. Sua ramagem é de crescimento uniforme com aspecto de arame enredado, suas folhas são pequenas, brilhantes, coriáceas e com formato redondo a cordiforme. De cor verde-limão no final da Primavera tornam-se verde escuras com a maturação, e finalmente adquirem tons bronzeados, logo antes de cair, no Inverno.
No verão surgem delicadas flores suculentas cor branca-amarelada que deixam a planta muito atraente. O frutos são do tipo baga, com sementes pretas que amadurecem durante o Outono.
Apesar de que é mais comum o seu uso como planta pendente, em cestas, cuias e floreiras, seu cultivo no jardim pode ser como trepadeira se lhe for oferecido algum suporte, assim como cerca-viva, de estilo formal ou informal.
Bem resistente a podas é uma das espécies ideais para realizar trabalhos topiários, ideal para fazer verdadeiras cortinas vivas, capazes de reduzir o vento e a poeira. Também faz às vezes de forração, emprestando charme especialmente a jardins rochosos.
A Planta-arame deve ser cultivada sob pleno sol ou meia sombra, em solo fértil, drenável, enriquecido com matéria orgânica e irrigado regularmente.
Prefere os climas temperado e subtropical. Multiplica-se facilmente por estaquia, divisão das touceiras ou mergulhia. Para produção de sementes, no entanto, é necessário cultivar plantas macho e plantas fêmea. Pode ser cultivada em regiões beira mar, pois é bem tolerante à salinidade e aos fortes ventos litorâneos.

Cuidados:
Sem os cuidados necessários esta espécie pode se tornar invasiva em determinadas situações.
Tecnologia do Blogger.