Solanum mammosum




Nome Científico: Solanum mammosum
Nomes Populares: Teta-de-vaca, Juá-bravo, Jurubeba-do-pará, Maminha-de-vaca, Peito-de-moça
Família: Solanaceae
Categoria: Arbustos, Trepadeiras
Clima: Equatorial, Subtropical, Tropical
Origem: América do Sul
Altura: 0.9 a 1.2 metros
Luminosidade: Sol Pleno
Solo: Fértil, rico em matéria orgânica
Regas: Regulares
Ciclo de Vida: Perene
Multiplicação: Sementes
Cuidados: Não tolera geadas ou frio Intenso
Curiosidade: É reputada como planta medicinal e o suco de seus frutos são utilizados para lavar roupas. 




A Solanum mammosum é uma espécie pertencente a família botânica Solanaceae que ficou conhecida popularmente pelo curioso nome de teta-de-vaca. Seus outros nomes populares são Juá-bravo, Jurubeba-do-pará, Maminha-de-vaca ou Peito-de-moça.
A Solanum mammosum é uma planta arbustiva que pode atingir até 2 mts. de altura, apresenta caule único  que ramifica-se logo acima de sua base.
A ramagem da Teta de vaca é bem esparsa de cor verde ou arroxeada, geralmente com espinhos e bastante pilosa, suas folhas são simples, aveludadas, com veias bem marcadas e formato cordiforme, com lobos acuminados e triangulares.
A Teta de vaca possui inflorescências axilares com até 10 flores liláses que surgem durante a Primavera. Seus curiosos frutos são pequenos, de globosos a piriformes, com pequenas projeções na base, motivo pelo qual a planta recebeu os engraçados nomes populares de Teta-de-vaca, peito-de-moça ou cara-de-raposa (fox-face em inglês), sua casca é brilhante, cerosa, de cor laranja e sua polpa é carnosa, de cor clara, esverdeada, com muitas sementes. Os frutos da Teta de vaca são muito tóxicos, contêm princípios alcalóides e indólicos.
Sua frutificação decorativa atrai muito a atenção quando cultivada no jardim isolada ou em grupos, em vasos ou floreiras. Para um melhor desenvolvimento deve ser tutorada como uma pequena trepadeira. Os ramos carregados de frutos ainda podem ser utilizados em arranjos florais.
Por se tratar de uma espécie de clima tropical, deve ser cultivada sob sol pleno, em solo fértil, rico em matéria orgânica, bem drenável e irrigado regularmente. Não tolera geadas ou frio intenso.
Apesar de perene é interessante ressemeá-la anualmente pois perde o vigor e a beleza com o tempo. Multiplica-se facilmente por sementes.




Atenção:
Esta planta pode escapar ao cultivo e se tornar invasiva em algumas situações. O formato curioso e atrativo dos frutos da Teta de vaca chamam muita atenção das crianças, porém é uma planta tóxica muito perigosa. Manter fora do alcance de crianças e animais domésticos.




Tecnologia do Blogger.